Quando o Amor de duas pessoas não cabe dentro delas, nasce uma nova vida!

domingo, 11 de setembro de 2011

Driblando as birras!

Por aqui venho driblando as birras usando o método de negociar ao invés de argumentar, e está dando certo!
Negociei com esses carrinhos/moto em miniaturas..


Deixe explicar... eu vi esses carrinhos da hotweels nas lojas americanas (adoro essa loja,queria uma aqui na ilha rsrs) na semana passada quando estivemos em SSA e comprei para o filhote. Achei super fofo para colecionar.
Mais não dei todos de vez, tive a idéia de dar um por um a cada dia de acordo com o comportamento dele... menino bonzinho, q obedece a mãe ganha carinho e carrinho, mais se fizer malcriação perde tudo! haha
Eu imagino q vc deve está se perguntando... e quando acabarem os carrinhos? Vou ter q dar sempre um presente por recompensa do bom comportamento? Pode ser q sim, mais não necessariamente todos os dias, claro. Isso só ser combinado para as datas comemorativas depois... sei lá.
Eu só estou tentando mostrar pra ele q é mto mais vantagens obedecer invés de fazer malcriação.
Eu estou longe de ser a mãe perfeita. erro mto, erro sempre, mais sempre tentando acertar, isso podem ter certeza!
Henrique é um menino de personalidade mto forte, é super teimoso e ao mesmo tempo mto carinho... não tem só um dia q passe sem ouvir um "eu te amo mamãe!" e do mesmo jeito com o pai.. um fofo! rs
Ainda passamos pela fase dos "terribles twos" (fase de enlouquecer as mães) mais agora as coisas até q estão melhorando um pouco hehe..
Dias desses minha cunhada estava aqui em casa e reparou o jeito (errado) q Henrique costuma almoçar, ele começa sentadinho a mesa, come 2 ou 3 colherinhas e depois se levanta dizendo q não quer mais, q está cheio. Mais como toda mãe q quer ver seu filho bem alimentado eu sempre insisto um pouco mais e mtas vezes fico atrás dele (ou o pai) com prato na mão pra fazer ele comer mais um pouquinho... sempre dá certo!
Aí minha cunhada comenta: "Está errado! Ele tem comer sentado a mesa até o final e só depois vai brincar!" (eu tb acho, mais isso é bem mais fácil na teoria, ela ainda não tem filho... vamos ver quando tiver rsrs)
Quantas e quantas vezes antes de me tornar mãe, eu critiquei o comportamento de outras mães com seus filhos teimosos, malcriados?? "Ai se fosse meu filho!" duvido q alguma mãe não tenha usando essa frase em algum momento rs..
Nós mães além de tudo, temos q ser criativas ou mágicas rsrs..

Amanhã, depois da aula de Henrique, viajamos para SSA. Vamos ficar por lá até fazer todos os exames solicitados pela PE dele.
Volto a me comunicar de lá.

Beijocas!

15 comentários:

Paloma Gavazza disse... [Responder comentário]

Ai vc bem viu como meu pequeno está ultimamente né?! terrible twos em alta rsrsrs! que bom que vc achou um jeitinho de driblar o henrique, pq aqui em casa eu ainda não descobri como hehehehe!! Bjs!

Vivian disse... [Responder comentário]

Paty, já fui muito criticada. Inclusive semana passada no grupo do face, por dizer que faço uma brincadeira pra ele tomar remédio e disse que vale até um chocolate em troca. Pronto, bastou para me acharem a mais bruxa das mães. E todas ali são mães hein! Mas eu duvido que na casa delas é tudo perfeito. Não faço as coisas na marra com o Gá e ele é muito compreensivo, conversamos muito com ele e funciona. Estamos bem assim!
Faça o que achar melhor, cada um sabe onde o calo aperta e criticar o outro é muito fácil, principalmente qdo não tem filho...
Bjos

Adriana disse... [Responder comentário]

Amiga...vc assiste a super nanny? faz um quadro do incentivo pra ele, faz por semana, se no fim da semana ele conquistar todos os objetivos (ser obediente, não chorar sem motivo, não gritar etc) ele ganha uma recompensa...não necessariamente um brinquedo, mas um passeio legal, uma ida ao cinema...etc!

boa sorte!

bj

Motivo Para Sorrir disse... [Responder comentário]

Olá, eu também negocio bastante com ela, rsrsrs, mas as vezes não funciona rsrsrs, nós mães temos que ter muuuuuuuuuuita criatividade, não é fácil

sula

Edi disse... [Responder comentário]

É amiga o negócio é negociar rs...uma hora ele vao entender é só uma questão de tempo.

Obrigada pelo carinho de sempre lá no meu cantinho viu.

Um Graaande Beijo!!

Mariáh disse... [Responder comentário]

Não se puna, cada um sabe do seu... Beijos e boa sorte com esse sapequinha!

Mariáh
http://cartasaomeubebe.com/

Mamãe Aline disse... [Responder comentário]

Oi Paty,
sobre seu post passado...

Ana toma a mesma medicação que o Henrique está tomando e aceita numa boa também. Até Sophia aceita o espaçador morrendo de rir.
Ju começou uma tosse na semana passada e fiz como vc dei o prelone (predsim), super válido saber que aumenta a pressão. Tinha até anotado para perguntar ao pediatra se eu podia dar em caso de tosse.

Eu também ja fiz muito isso de sair andando atrás de Ju para que ela comesse melhor. Vc sabe o que é melhor para seu filho...
Beijos

Mãe Mochileira,Filho Malinha disse... [Responder comentário]

Oiii..olha,eu tb to nesse barco com vc,e quem quiser criticar que critique..eu tento de td e nem sempre fuinciona,então eu tenho que apelar para a "chantagem" mesmo,fazer o que?rsss..e que atire a primeira mamadeira a mãe que nunca precisou fazer uma negociação dessas com o filho,rss..
beijos e uma otima semana!!
;-)

Patricia Charleaux disse... [Responder comentário]

Que impressionante o João é igualzinho, senta na mesa come 2 colheres e sai dizendo que não quer mais e eu faço como vc, as malcriações devem ser a fase dos 3 anos, o João também está impossível, gostei da dica dos carrinhos , talvez eu faça como vc, aonde está aquele bebezinho tão meiguinho que eu tinha?Mas mesmo assim eu o amo com toda minha força e tenho certeza que vc também, as pessoas que dão palpites existem aos montes e dá raiva que as vezes nem filhos tem ainda, eu fico louca!!Bjs

Cynthia Santos disse... [Responder comentário]

Aqui estou fazendo um pouco diferente: estou ensinando Arthur que ele perde com comportamento ruim. Fica sem desenho, sem o brinquedo da vez...dou sempre uma opção: ou para com a birra ou fica sem algo. E graças a Deus, tem funcionado! Com relação à comida, eu confesso, sou preguiçosa, prefiro dar a comida no sofá... e ele pede o cadeirão! É mole?!

Gulli disse... [Responder comentário]

Paty
Relaxa, todas nós estamos no mesmo barco na difícil e deliciosa arte da maternidade, educar não é nada fácil e vamos tentando fazer o que podemos e achamos certo...Se tá dando certo assim...vá siga, caso contrário veremos outra alternativa. Ser mãe é um constante aprendizado, não tenha medo de críticas siga seu caminho e seja feliz.
Mil beijos

Ioly a dona do verdades... disse... [Responder comentário]

Paty é bem assim, somos expert em julgamentos, mas quando a cria chega aprendemos muito, não é?
Já fiz muito isso antes de ser mãe (ela dá fígado para o coitadinho? ela é muito permissiva...rs)
Hoje ouço com tolerancia esses comentários, elas entenderão um dia... rs
bjus

Miguel...Presente de Deus disse... [Responder comentário]

Amiga as birras aqui também não estão faceis de aguentar,tenho que ter paciência de Jó.rs Mas a ideia dos brindes por bom comportamento achei muito boa,acho que pode dar cetro sim.
Vim também a gradecer a titia do Miguel pelo comentario,rs Adorei de coração amiga,muito obrigada por tanto carinho. E quando vier ao Rio é claro que vamos nos encontrar,isso eu não abro mão de jeito nenhum,vamos fazer muita bagunça por aqui,rs

Bjokas em vcs

Carla e Miguel

Tathá disse... [Responder comentário]

Adorei esse negocio de negociar, de uma forma diferente mas eu tb tenho feito o mesmo, como meu filhote é menorzinho so tem 1 ano e meio negocio situações diferentes, ele nao deixa trocar a frald, ou nao quer comer eu falo se nao comer nao vai andar de caro, se nao deixar a mamae trocar nao vamos na moto do pai.. as vezes da certo.. acho q temos q tentar ser melhores a cada dia mas nao podemos dar ouvdos aos outros senao nunca iremos fazer nada. Bjinhos!

Luciana disse... [Responder comentário]

Paty, já falei com vc o quanto sofri com alergia e ainda sofro. Recebi os exames do Gustavo semana passada e o IGE de poeira doméstica veio altíssimo... ele está com dermatite novmente e por aí vai... novamente digo para vc tentar um bom alergopediatra em SSA que é o melhor médico para esses casos. E aqui em casa, os meninos aceitam bem o espaçador, hoje já são grandinhos, mas quando menores, aprenderam rapidinho a contar até 20 por causa das bombadas, rsss Beijo e boa sorte para vc no seu curso.

Ele é o bebê que revolucionou o meu viver!!!!

Ele é o bebê que revolucionou o meu viver!!!!